Central de Atendimento

Como podemos ajudar?

Atividades divertidas e dinâmicas para idosos e os benefícios para a saúde mental

6 de Janeiro de 2020
atividades para idosos jogos dinâmicos

Atividades divertidas e dinâmicas podem ser muito importantes para manter o corpo e a mente saudáveis na terceira idade. Além de ajudarem a melhorar o humor e a qualidade de vida dos idosos, também contribuem para a melhoria da coordenação motora, concentração e agilidade das capacidades cognitivas.

Desta forma, com este tipo de atividades é mais fácil evitar problemas de saúde comuns ao envelhecer e na área da geriatria. Exercitar o cérebro ajuda a evitar doenças crónicas como o Alzheimer, Parkinson e as demências. Além disso, pode ajudar na reabilitação e na recuperação de doenças neurológicas como o AVC e nas doenças do foro da saúde mental, como a depressão.

Por isso, é cada vez mais importante que este tipo de atividades façam parte do plano de cuidados em instituições como lares de idosos, centros de dia e em serviços de apoio domiciliário.

Vantagens e desvantagens do lar de idosos ou do apoio domiciliário, qual é a melhor opção?       

Neste artigo, abordaremos algumas das principais atividades e jogos para idosos e os seus benefícios para a saúde física, psíquica e mental.

Atividades e jogos para idosos

É importante a elaboração de um plano de atividades e jogos que ajudem a estimular e a desenvolver a autonomia e a independência dos idosos. De seguida, vamos apresentar algumas atividades que podem ajudar a estimular a memória, a auto-estima, o compromisso, a integração e a condição física e mental do idoso.

Sessões de leitura

atividades de leitura para idosos

Ler não só melhora a memória, como reduz o stress e fortalece o cérebro evitando algumas doenças. No caso da pessoa não saber ler, pergunte-lhe se tem curiosidade num livro específico ou que tipo de histórias lhe despertam mais interesse.

Assim que perceber, encontre um livro desse género e faça sessões de leitura com o idoso. Leia devagar para que a pessoa consigam entrar na história e perceber o que se está a passar na ação.

Jogos de mesa

xadrez jogos de mesa idosos

É uma atividade recreativa que proporciona a interação social e que permite a criação de novas amizades. Trabalha, para além da parte social, a capacidade de perceção, agilidade e tempo de reação. Alguns exemplos de jogos de mesa: damas, xadrez, bingo e dominó.

Jogos de cartas

jogos de cartas para idosos

Os jogos de cartas estimulam a competição saudável, o espírito de equipa e a superação de desafios. Esta atividade exige agilidade mental, rapidez de raciocínio e permite desenvolver a capacidade cognitiva.

O contador de costumes e tradições

jogos dinâmicos para idosos

Esta atividade não só é enriquecedora para o sénior como para a pessoa que está a ouvir. O contador de costumes e tradições tem como objetivo fazer a pessoa relembrar-se das tradições e costumes da sua juventude.

Esta atividade é fácil e simples de realizar. Basta fazer algumas perguntas de como era namorar naquele tempo, como era a vida, que tradições e costumes é que se perderam com o tempo, etc. Basicamente é pedir à pessoa que nos conte um pouco de como era a vida na sua juventude, esteja atenta/o, pois a pessoa vai reparar se está realmente interessada/o na sua história. 

Jogo das profissões

dinâmicas idosos divertidas jogo das profissões

A velha pergunta “o que gostarias de ser quando fores grande?” volta a aplicar-se mas de outra forma. Neste jogo pretende-se perceber se a pessoa seguiu a profissão que queria, se não, que profissão seria essa e porquê. Desta forma conseguimos fazer com que a pessoa fale de algumas frustrações profissionais e desabafar sobre estes assuntos.

Também se pode falar de profissões extintas pelo desenvolvimento e recordar os empregos de antigamente.

Jogos dos sentidos

Com o passar da idade os nossos sentidos vão diminuindo, por isso é preciso promover diversas atividades de animação sensorial para estimular o tacto, a audição, o olfacto e até a noção de forma.

Para obter alguns progressos neste sentido, pode fazer algumas atividades, vendando os olhos da pessoa que cuida e fazer alguns jogos, como por exemplo identificar sons e objetos, identificar através do paladar alguns alimentos ou através do cheiro alguns aromas de plantas, perfumes, etc.

Jogo da Mímica

jogos de mímica para idosos

Este jogo proporciona a interação social e o espírito de equipa e é excelente para trabalhar a motricidade. Existem vários jogos de tabuleiro baseados nesta ideia. Por ex: Gestos e Pictionary.

Locais que nunca vi

O contacto com exterior é muito importante na vida de uma pessoa idosa sobretudo se está dependente. Conhecer novos locais, visitar museus, ir a jardins que nunca foi, pode melhorar consideravelmente o bem-estar e a satisfação do idoso.

Ninguém gosta de estar constantemente fechado entre 4 paredes. Para além do convívio com outras pessoas que é essencial para a comunicação, viver novas experiências com outras pessoas poderá trazer um novo gosto pela vida. Novas amizades e experiências são boas em qualquer altura da nossa vida.

Atividades para estimular a mente

jogos de memória para idosos quebra cabeças

Este tipo de atividades promovem o desenvolvimento e a estimulação da atividade mental, melhoram a memória dos idosos e fomentam o envelhecimento ativo.

Alguns jogos tradicionais para idosos são:

  • Puzzles (quebra-cabeças)
  • Jogos de memória
  • Palavras cruzadas
  • Sopa de letras
  • Sodoku
  • Descobrir as diferenças
  • Jogo do galo
  • Jogo do stop

Exercícios físicos na terceira idade

exercícios físicos para idosos

A prática de atividade física na terceira idade é importante para reduzir as alterações causadas pelo tempo, como o enfraquecimento dos músculos, a perda de equilíbrio, a perda de agilidade e flexibilidade e da resistência muscular.

O exercício físico com orientação de um preparador físico (Personal Trainer) para idosos faz com que essas capacidades físicas melhorem, ajuda a aliviar a dor nas articulações proporcionando uma melhor qualidade de vida.

Por outro lado, o exercício físico na terceira idade ajuda a prevenir e a combater doenças crónicas como a diabetes, a artrose, e a hipertensão arterial e evitar outras doenças do coração. Além disso, pode ajudar a controlar o colesterol e a tensão arterial.

Tensão arterial baixa, normal ou alta: valores ideais, quais os riscos e como medir?

A recomendação da OMS é que a partir dos 65 anos, seja uma atividade física moderada, de preferência em grupo, no mínimo três dias por semana e em intensidade que varia de acordo com as condições de saúde e de mobilidade de cada pessoa. De uma forma geral, por semana, são suficientes 150 minutos de atividade moderada ou 75 minutos de atividade intensa.

Atividades físicas para idosos

atividades físicas para idosos pilates

Os idosos podem escolher como atividade física, a natação, a hidroginástica, o pilates, o ioga, a caminhada, exercícios de alongamentos ou exercícios com a supervisão de um profissional ou personal trainer especializado em treino personalizado ao domicílio para idosos.

Atividades dinâmicas para idosos   

atividades dinâmicas para idosos

Este tipo de dinâmica compreende atividades em grupo para idosos. Os exercícios direcionados para a terceira idade, devem ter em conta uma série de fatores, que vão desde as limitações de cada pessoa até aos seus objetivos.

Por exemplo, é possível desenvolver práticas que ajudem a exercitar a memória dos idosos, além de outras que trabalhem a concentração e o foco ou questões mais físicas, como locomoção e alongamentos.

De seguida, apresentaremos algumas atividades dinâmicas para idosos:

Jogo da memória viva

jogo da memória viva atividades idosos

A memória é uma das habilidades mais afetadas com o envelhecimento. É habitual esquecer o nome de pessoas e informações do passado que há alguns anos estavam na ponta da língua.

A boa notícia é que a nossa mente também pode ser exercitada – e quanto mais trabalho lhe dermos, melhor para aumentar o desenvolvimento.

Benefícios

Estimular a memória

Material necessário

Um saco ou caixa escura, diversos objetos diferentes, uma mesa para apoio, papel e caneta.

Como funciona?

Sem mostrar os objetos, o orientador deve colocar cada um deles dentro do saco ou caixa escura. Aos poucos, chama os participantes um por um, convidando a tirarem um objeto do interior da caixa.

Ao tirar cada objeto da caixa, o idoso deve dizer o nome desse objeto em voz alta e, em seguida, deve colocá-lo na mesa de apoio. Assim que todos os objetos tenham sido retirados, quem estiver a organizar a dinâmica deve dar alguns segundos para que os participantes possam olhar para todos os objetos antes de voltarem a ser colocados no saco.

Feito isto, cada idoso deve anotar o máximo de objetos que consegue lembrar-se. Para facilitar a contagem, o organizador pode ir tirando um objeto de cada vez da caixa.

Dançar

dança para idosos atividades dinâmicas

Benefícios   

A dança é uma excelente atividade para quem procura melhorar a sua condição física, mas pode tornar-se ainda mais interessante, se usada como uma ferramenta de integração.

Material necessário

Para realizar esta dinâmica, é necessário uma boa playlist, com músicas animadas, e um espaço amplo para os idosos dançarem à vontade.

Como funciona?

A atividade pode começar com o organizador a pedir para que o grupo se divida em pares. Então, a música começa a tocar e os parceiros começam a dançar pela sala.

Ao mesmo tempo em que trocam passos para lá e para cá, os participantes devem ir conversando entre si. É uma boa forma de se conhecerem e de falarem um pouco sobre as suas vidas.

É permitido conversar sobre tudo: família, lazer, experiências profissionais e romances. O tema é livre e a única regra é ser sincero. Como o objetivo é que todos possam conhecer-se melhor, no final de cada canção, os pares devem ser trocados.

Caso uma música seja muito curta e não tenha existido tempo de interagir o suficiente com o parceiro, nada impede que a conversa continue depois da dinâmica.

Objeto pessoal

objeto pessoal atividades para idosos

Benefícios

Esta dinâmica para a terceira idade serve para retomar uma habilidade fundamental ao longo de toda a vida: o compromisso.

Material necessário

Objeto de casa que tenha algum valor sentimental para o idoso.

Como funciona

O orientador pede a cada participante, que traga um objeto de casa que tenha algum valor sentimental para si.

Como no jogo do amigo secreto, é feito um sorteio para decidir qual objeto vai ficar a cargo de quem. Assim, durante uma semana, as pessoas devem cuidar e procurar saber mais informações da importância desse objeto para o outro.

No final do tempo estimado, todos devem relatar as suas experiências numa grande confraternização. Caso alguém tenha tido qualquer tipo de problema com o objeto – avaria, perda, ou outras coisas do género – é importante conversar e procurar um entendimento.

O papel colorido

papel colorido atividades para idosos

Benefícios

É uma forma alternativa de trabalhar a interação social, a troca de experiências e questões sentimentais mais amplas.

Material necessário

Para esta dinâmica, o único material necessário, são tiras de papel das mais variadas cores que tiver à disposição.

Como funciona?

O início da atividade consiste em pedir que os participantes fiquem alguns segundos em silêncio, de olhos fechados e que pensem naquelas emoções que mais estão presentes naquele momento.

Depois desta breve reflexão, cada pessoa deve escolher uma tira de papel com a cor que ela acredita que mais corresponde àquele sentimento dominante.

Quando todos tiverem escolhido as suas representações, serão formados grupos a partir da tonalidade adotada.

Vermelho fica com vermelho, azul com azul, verde com verde e assim por diante.

Enquanto estiverem divididos em equipes, os idosos devem conversar entre eles sobre essas emoções presentes nas suas vidas.

Alguns temas a serem abordados são: como controlar as emoções, quando aparecem, por que surgem, porque aquela cor foi escolhida e como ajudar o amigo a entender esse sentimento.

Após todos terem interagido bastante dentro dos grupos e ouvido o que cada um tem a dizer, chega a hora de separar as equipes e fazer um grande brainstorming coletivo.

Para quem tira o chapéu?

jogo do chapéu para idosos

Pelos mais variados motivos, a pessoa pode ir perdendo a crença em si mesma e colocando-se cada vez mais para baixo. Com o jogo do chapéu, a ideia é justamente mudar este cenário.

Benefícios

Aumentar a auto-estima

Material necessário

Um chapéu com um espelho preso no seu interior.

Como funciona?

Um círculo deve ser formado sob o comando do organizador, e o chapéu é entregue a um participante que deve iniciar a dinâmica.

Ele deve responder se tira o chapéu para a pessoa que está refletida naquele objeto.

Mas não vale um simples “sim” ou “não”. É preciso justificar a sua resposta.

Esta atitude vai incentivar a reflexão sobre si mesmo e fazer com que a pessoa pense naquilo que ela tem de positivo, qualidades que nem o tempo apaga. A ideia é que todos os participantes na roda tenham a experiência de falar um pouco mais sobre a sua vida, os seus pontos fortes e fracos.

Conclusão

atividades dinâmicas para idosos conclusão

Existe vida depois dos 60 e é possível ser muito feliz e saudável, mesmo com uns anos a mais. As atividades e brincadeiras em grupo são alternativas para quem deseja manter o corpo e a mente sãos.

É importante nos lares de idosos, centros de dia e nos serviços de apoio domiciliário a realização de atividades dinâmicas e jogos para idosos que se adequem à sua saúde física e mental e que promovam a aprendizagem, a valorização das suas experiências e competências, a melhoria da memória, da auto-estima e a animação e a interação social.

Este tipo de jogos e atividades não deverão ser impostas pelo que deve existir uma estimulação e um incentivo subtil para a participação e falar abertamente sobre eles para que o idoso os queira experimentar.

Os profissionais de saúde como fisioterapeutas, psicólogos, terapeutas ocupacionais, médicos, assistentes sociais, gerontólogos e enfermeiros podem promover este tipo de atividades e jogos para a terceira idade.

É muito importante também o envolvimento da família, dos amigos e das pessoas próximas do idoso, bem como a participação e incentivo dos cuidadores em situações de pessoas idosas doentes ou com mobilidade reduzida.

Referências

  • Manual de Envelhecimento Activo, Lidel 2013
  • Jogos de Intervenção Terapêutica para Adultos e Idosos, Papa-Letras 2017
  • Atividades e Jogos para Idosos (2ª Edição), LivPsic 2013

*Atenção: O Blog Mais que Cuidar é um espaço informativo, de divulgação e educação sobre temas relacionados com saúde e bem-estar, não devendo ser utilizado como substituto ao diagnóstico médico ou tratamento sem antes consultar um profissional de saúde.

O que achou do artigo? Foi útil? Ficou com alguma dúvida? Deixe seu comentário

Central de Atendimento

como podemos ajudar?
Apoio via Chat online
Entre em contato
através do chat.
COMEÇAR CHAT
Apoio por Telefone
Contacte-nos todos os dias
úteis entre 10h às 19h e aos
Sábados das 10h às 13h
Apoio por Email
Tempo médio de
resposta de 1 hora.
ENVIAR EMAIL
Lojas de Ortopedia e Geriatria em Portugal
Procuramos estar cada vez mais perto de si.
Venha conhecer-nos! Juntos Cuidamos Melhor.
Porto
Porto
Estrada da Circunvalação 14688
4450-097 Matosinhos
T. 22 405 41 46
Lisboa
Lisboa
Rua Manuel Martins da Hora, 2
1750-172 Lisboa
T 210 402 220
Almada
Almada
Rua do Regil 21A
2805-234
Almada
T. 210 402 248
Faro
Faro
Estrada Municipal 514
Zona Ind. da Barracha, Lote 11
8150-017 São Brá de Alportel
T. 28 982 42 25